A VIDA NÃO É DIA SIM, DIA NÃO !

A VIDA NÃO É DIA SIM, DIA NÃO !

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Óh Bebé !


Já apareceu, que alívio ! Quando o meu pai ia a abrir a porta para ir trabalhar, por volta das sete e tal, lá estava ele todo enrolado no tapete da entrada a dormir. Felizmente não aconteceu nada de mal. Deve ter ficado fechado em cada das velhotas ao lado e como elas se levantam com as galinhas ele deve ter conseguido sair dos arrumos ou assim. O meu pai lá o foi pôr na casinha deles, e o Riscas ( o meu outro gato ) mal o viu começou a lambê-lo todo e a dar-lhe miminhos.
É o que dá ser cusco e querer meter os bigodes onde não se é chamado, nunca mais faças isto !

5 comentários:

  1. Os gatos têm o condão de nos tocar muito fundo. Também tenho 2 e acho que passaria mal se um desaparecesse.

    ResponderEliminar